Arquivo da tag: conto

Conto Africano

     Materiais disponíveis para trabalhar com Consciência Negra ainda são um pouco raros. Claro que desde quando se instituiu a data alguns surgiram, nas mais variadas formas. Os temas mais usados quando o assunto é africanidades costuma girar em torno de máscaras, culinária ou vocabulário. Acho bem legal trabalhar a influência africana, mas também acredito que falte um pouco da ‘alma’ cultural do povo africano neste tipo de temas.

     Procurei bastante por alguma história que me encantasse o bastante para criar uma atividade com valores e encontrei diversas, mas achei uma bem interessante, que acabei lendo em e-book para fazer esta atividade da postagem. Li a história em inglês e fiz um breve resumo logo no início da atividade, para depois trabalhar com perguntas, produção de texto e uma reflexão sobre diferenças culturais. Minha intenção foi desenvolver tanto valores morais quanto respeitabilidade por outras culturas.

     O livro é muito bonito, se alguém tiver oportunidade, recomendo. A história tem diversas versões em nossa língua e foi adaptada a outras linguagens: encontrei em formato de filme, peça de teatro e até um desenho digital. Espero que você goste. Boa aula!

AS BELAS FILHAS DE MUFARO – CONTO AFRICANO

Maria Angula – Jogo Rápido e Texto Jornalístico

     O conto que publiquei na sexta-feira costuma ser bem recebido pelos alunos e nos dá margem a diferentes tipos de abordagem para diferentes séries. Como exemplo disso, disponibilizo nesta postagem duas atividades: uma para séries iniciais e outra para produtores de texto.

     Jogo rápido é uma interpretação que trabalha mais com estratégias de leitura e é ótimo para crianças em fase de alfabetização. ‘Manchetes’ vai de encontro às classes que já trabalharam com texto jornalístico e estão em fase de produção de autoria. Com base no conto, o aluno precisa imaginar como faria para cobrir as duas notícias mais importantes do dia posterior à visita de Maria Angula no cemitério: seu desaparecimento e o fato de um morto estar fora de seu túmulo. É preciso reunir conhecimentos prévios do gênero para poder fazer as duas notícias. Espero que alguma das atividades lhe seja útil. Boa aula!

MARIA ANGULA – JOGO RÁPIDO

MARIA ANGULA – MANCHETES

Maria Angula – Texto e Interpretação

     A época é bem propícia aos contos de terror. Este gênero é bem apreciado pelas crianças de todas as idades e o conto estrageiro ‘Maria Angula’ costuma fazer bastante sucesso.

     Quem participou de cursos de Profa e similares já conhece, pois era dos mais famosos entre os participantes destas formações.

     Estou disponibilizando dois arquivos: o primeiro traz apenas o texto e o segundo, uma interpretação. Talvez lhe seja útil de alguma forma. Boa aula!

MARIA ANGULA – O TEXTO

MARIA ANGULA – INTERPRETAÇÃO

Rei Midas – Produção de Texto + Decomposição

     Aproveitando que publiquei o texto para interpretação com gramática ‘O Rei Midas’, fiz mais três atividades baseadas no conto.

     Você irá encontrar duas de produção de texto, sendo a primeira um convite e a segunda um texto descritivo. Levantei a hipótese de Rei Midas cogitar fazer uma festa e os alunos devem elaborar o convite e fazer um planejamento da mesma. A imaginação pode reinar bem na situação, já que o aluno pode inventar uma festa temática. Na atividade ‘lembrancinhas’, o Rei deseja presentear os convidados com suas preciosas moedas. Os alunos devem fazer uma decomposição inversa ( está explicado na atividade, com exemplo ) , o cálculo da decomposição e a escrita do número por extenso. Acho que vale a pena conferir. Boa aula!

O REI MIDAS – UMA FESTA DE ARROMBA – PLANEJAMENTO

O REI MIDAS – UMA FESTA DE OURO – O CONVITE

O REI MIDAS – UMA FESTA DE ARROMBA – LEMBRANCINHAS

Conto – A Raposa Preguiçosa

     Há tempos não traduzo um bom conto e gosto bastante de fazer traduções de contos tradicionais, pois acho que acrescenta qualidade à aula. Mostrar alguma coisa de outra cultura sempre amplia horizontes, não é mesmo?

     Fiz a tradução adaptada do conto “A Raposa Preguiçosa”, que é típico da Argentina. A história é ótima, pois mostra como o tatu consegue ‘virar o feitiço contra o feiticeiro’… ou feiticeira, no caso: a raposa. Tão ardilosa, a raposa tenta enganar o tatu e acaba se dando muito mal devido à esperteza do animal e o mais interessante é que isso não acontece apenas uma vez, mas três vezes de formas diferentes. Acrescentei uma folha de vocabulário que você pode trabalhar antes de apresentar o texto, para retirar da classe previsões sobre o assunto do texto. Tenho certeza que você e seus alunos irão se deliciar com o conto. Espero que também apreciem as atividades. Boa aula!

A RAPOSA PREGUIÇOSA – VOCABULÁRIO

A RAPOSA PREGUIÇOSA – TEXTO E ATIVIDADES

A Bruxa e a Fada – Compreensão e Operações Matemáticas

     ‘A Bruxa e a Fada’ é um texto que encontrei, em espanhol, e achei interessante. Embora a história fale de uma fada e de uma bruxa, há alguns elementos contemporâneos bem legais no enredo. Decidi então traduzi-lo e elaborei dois tipos de atividade.

     Na primeira, há o texto e uma interpretação diferente. Ela é diferente, porque há apenas as respostas e as perguntas não foram colocadas. Em lugar de responder perguntas, os alunos terão que elaborar perguntas condizentes com o que está respondido. Parece ser simples, mas há alguns alunos que são bons em compreensão e têm dificuldade neste tipo de atividade.

     Na outra, uso o tema do texto, mas relaciona-se à área de matemática. Os alunos devem resolver operações diversas para percorrer um caminho feito de nuvens. Espero que você goste. Boa aula!

A BRUXA E A FADA

A BRUXA E A FADA – A CAMINHO DO CASTELO

As Monções – conto vietnamita

          ‘As Monções’ é um  belo conto vietnamita que explica, por meio de uma história de amor, o motivo de ocorrerem monções naquela região. Entre abril e outubro, todos os anos, o Vietnã é praticamente ‘invadido’ por fortes precipitações. O povo local antigo inventou então este conto que tem sobrevivido à várias gerações.

          As atividades compreendem atividade de sequenciação, resumo lacunado, questões dissertativas e uma sugestão de produção de texto em forma de conto para explicar algum fenômeno natural de nosso país. Excelente atividade para ciclo 2. Boa aula!

AS MONÇÕES

Interpretação – O homem que viveu mil anos

     Esse conto coreano é muito interessante, pois traz um pouco da cultura dos coreanos, além de propor um tema interessante, que é a longevidade. Há pessoas que desejam viver muito e outras, pouco. É possível articular um debate antes do texto e levantar probabilidades do desenvolvimento da história durante a leitura. Como o texto é um pouco longo, possibilita a leitura em partes, com discussão de cada uma delas.

      As atividades visam estruturação de um texto, compreensão e criticidade. Espero que você goste. Boa aula!

O HOMEM QUE VIVEU MIL ANOS

O Gato Azul

          Contos do mundo fazem muito sucesso com os alunos e interpretá-los é algo diferente de interpretar contos de fada conhecidíssimos. Eles traduzem uma cultura inteira.

          O conto deste post é da Indonésia e é interessante o modo como um simples gato pode mudar tanto a vida de diversas pessoas ao mesmo tempo. A força do sonho também está presente neste belo conto popular de um país pouco conhecido por nós.

          Fiz dois tipos de atividade para o conto: uma de interpretação e opinião e outra de uso do dicionário.

          Para conseguir a atividade, basta clicar nos links. Boa aula!

O GATO AZUL - TEXTO COM INTERPRETAÇÃO E PERGUNTAS DE OPINIÃO

O GATO AZUL – DICIONÁRIO - PALAVRAS DO CONTO COM TRABALHO DE USO DO DICIONÁRIO E DIFERENTE CONTEXTO

Interpretação – Conto ‘Os Três Desejos’

     Você deve ter notado que eu gosto muito de contos, principalmente se estes forem de outros países. Outras culturas me fascinam e gosto demais de poder mostrá-las aos meus alunos.

     Como minhas postagens de interpretação têm sido muito bem recebidas pelos leitores de meu blog, estou postando hoje uma compreensão de texto de um conto de Porto Rico. Este conto lembra um pouco contos de fada europeus. Talvez haja bastante influência dos espanhóis nesta história.

     Apesar de Porto Rico ser uma ilha caribenha e ter uma grande população descendente dos índios locais, os Arawak, a influência espanhola é muito forte e é possível que este conto tenha nascido justamente deste tipo de cultura, por conta de suas características marcantes, muito parecida com contos tradicionais que conhecemos.

      Espero que você aprecie a história tanto quanto eu. Boa aula!

OS TRÊS DESEJOS - interpretação de texto com perguntas dissertativas, resumo lacunado, tabela organizacional e perguntas de opinião.